Te Araroa: The Long Pathway

Você está aqui

Te Araroa (the long pathway) é a trilha de longa distância mais recente e mais diversificada do mundo.

As paisagens da Nova Zelândia são famosas pela diversidade, e suas trilhas são uma vitrine natural disso. Seguem 3000 km ao longo do litoral de areia ou pelas cristas das faixas florestais, através da terra e vulcões em North Island e através dos belos parques nacionais, estações em terras altas e passagens nas montanhas de South Island.

3.000 km - cerca de quatro meses

Você pode passar apenas um ou dois dias entre as duas cidades ou ficar até oito dias na selva. No norte, mais populoso, geralmente há uma área de acampamento à frente. No sul, mais remoto, há a segurança das famosas cabanas campestres da Nova Zelândia ao final de cada dia de longa caminhada.

Os caminhantes de Te Araroa normalmente comentam que é o contato com a amistosa cultura neozelandesa que torna a trilha especial. Além da selva, a trilha leva seus caminhantes pelas cidades e assentamentos da Nova Zelândia, e passa por marae maoris. O que os neozelandeses chamam de longa caminhada é uma habilidade tradicional e respeitada. Eles comemoram com os caminhantes convidando-os para suas casas na rota para compartilhar uma refeição ou contar uma história.

Te Araroa significa "O Longo Caminho", que o descreve de forma exata. Com uma média de 25 km por dia, a trilha leva 120 dias, quatro meses, a pé. A rota de North Island tem um pouco mais de 1.600 km de comprimento e South Island, um pouco menos de 1.400 km. A trilha é mais bem enfrentada de norte a sul, começando no topo de North Island, no Cabo Reinga, no final da primavera. Dessa forma, a travessia de South Island ocorre de meados para o final do verão, quando as passagens da montanha não têm neve e o nível dos rios está baixo.

Se quatro meses for muito tempo para uma vida ocupada, há muitas trilhas da Te Araroa que podem ser feitas separadamente. A Queen Charlotte Track e a Tongariro Crossing estão entre as trilhas mais conhecidas integradas à rota, permitindo que os caminhantes tenham a emoção adicional da ti kouka, ou dracena indivisa, da Te Araroa. O caminho também abriu várias novas trilhas, como a Motatapu Alpine Track, de três dias. É improvável que até mesmo visitantes regulares do sistema de trilhas da Nova Zelândia tenham conseguido enfrentá-la. 

Entretanto, se você caminha por toda a trilha ou apenas por parte dela, a Te Araroa agora faz parte, desde sua abertura em dezembro de 2011, da variedade de grandes oportunidades ao ar livre da Nova Zelândia. Convidamos você a explorá-la e compartilhá-la.

Para mais detalhes, acesse o website da Te Araroa.

Localizar & reservar voos