Doubtful Sound

Você está aqui

De Manapouri, você pode providenciar transporte até Doubtful Sound, os mais profundos e segundos mais longos fiordes da Nova Zelândia.

Fiordland
Doubtful Sound, Fiordland

By Fraser Clements

Fiordland
Kea at Doubtful Sound, Fiordland

By Fraser Clements

Fiordland
Doubtful Sound, Fiordland

By Fraser Clements

Fiordland
Doubtful Sound, Fiordland

By Fraser Clements

Às vezes denominado de "O Som do Silêncio", o Doubtful Sound é o mais profundo (421 m) e o segundo mais longo (40 km) dos fiordes de South Island. É um lugar poderoso, sereno, misterioso e intocado pelo mundo moderno.

O fiorde foi originalmente denominado Doubtful Harbour pelo Capitão James Cook, que não velejou na enseada pois parecia ser um pouco estreita para manobrar de forma segura. Foi denominado posteriormente por baleeiros e caçadores de focas como Doubtful Sound.

Bem como outros fiordes da região, Doubtful Sound contém duas camadas distintas de água que não se misturam. A parte rasa da superfície é constituída por água doce, alimentada pelo escoamento das montanhas circundantes. Abaixo fica uma camada de água salgada do mar. A diferença no índice de refração entre essas duas camadas dificulta a penetração da luz. Como consequência, muitas espécies das profundezas, como o coral negro, crescem nas profundezas relativamente superficiais.

Doubtful Sound tem algumas cachoeiras esplêndidas, principalmente durante as estações mais úmidas. Em Hall Arm, Browne Falls caem em cascata a uma altura de 619 metros; já Helena Falls em Deep Cove tem 220 metros. A vida selvagem é outro motivo para visitar esse fiorde; fique atento aos golfinhos-nariz-de-garrafa, lobos-marinhos e pinguins.

Os passeios a Doubtful Sound saem de Manapouri e envolvem uma viagem de ônibus com lindas paisagens por Wilmot Pass. Quando chegar no fiorde, você pode explorá-lo em um caiaque ou cruzeiro com uma das operadoras de cruzeiro.

Leia maisFechar
Localizar & reservar voos