Cape Egmont Lighthouse

Em sua viagem pela Surf Highway 45, faça um desvio sentido Cape Egmont Lighthouse, que tem orientado os navegantes desde 1881.

Durante o dia, o Cape Egmont Lighthouse marca visivelmente o extremo oeste da costa de Taranaki. À noite, a luz branca pisca uma vez a cada oito segundos, situando navios que estejam a até 22 milhas marítimas.

O farol foi construído em Londres, em meados dos anos 80. Em 1865, as partes em ferro fundido foram enviadas à Nova Zelândia e montadas na Ilha Mana, ao norte de Wellington. No entanto, este ponto não foi satisfatório. Após vários acidentes com navios, chegou-se à conclusão de que o farol de Mana estava sendo confundindo com o farol de Wellington Heads.

Em 1881, a torre foi desmontada e levada em partes para Cape Egmont. As imensas peças em ferro fundido teriam sido transportadas em balsas e, em seguida, levadas ao novo local por carros de bois.

A apenas alguns quilômetros de distância estava a colônia de Parihaka, que naquela época era o centro de um movimento pacífico Maori liderado por Te Whiti O Rongomai e Tohu Kakahi.

Utilizando resistência pacífica, porém eficaz, o povo de Parihaka adiou a edificação do farol. Em resposta, as autoridades coloniais colocaram na torre cerca de 40 membros da Armed Constabulary para garantir a conclusão da construção. O farol finalmente começou a operar em 1 de agosto de 1881.

Para visitar o farol, que foi automatizado em 1986, siga a State Highway 45 em direção a Pungarehu. Chegando ao sul da cidade, vire a direita na Cape Road. Dirija por 5 km até o farol, que fica no final da estrada.

Localizar & reservar voos