Rota do Vinho na Nova Zelândia

Embora a Rota do Vinho foque na bebida e na gastronomia, durante o percurso você também desfrutará de belas paisagens e experiências culturais incríveis.

Marlborough
Seddon Winery, Marlborough

By Kieran Scott

Wairarapa
Experience wine in Martinborough, Wairarapa

By Poppies Martinborough

Marlborough
Blenheim, Marlborough

By Kieran Scott

Hawke's Bay
Cycling amidst the vines, Hawke's Bay

By Richard Brimer

  • Distância total: 380km
  • Tempo mínimo necessário: 4 dias
  • De Napier a Blenheim ou vice-versa.

O caminho percorre por três regiões clássicas de produção de vinho, começa em Hawke's Bay, na Ilha Norte, e termina em Marlborough na Ilha Sul. Aproveite o percurso para apreciar a beleza natural das paisagens, curtir a vida noturna de algumas cidades e se deliciar com experiências gatronômicas únicas.

Resumo da Rota

A Rota do Vinho pode ser facilmente percorrida de carro e é ideal para aqueles que procuram um caminho fora do comum. A viagem passa por cinco das regiões mais interessantes do país, sendo que três são grandes áreas de vinicultura e representam 80% de toda a produção de vinho da Nova Zelândia.

Por mais que o foco de sua jornada seja vinho e gastronomia, a rota também te levará para diversas aventuras e experiências culturais.

Pontos Chave

Durante sua jornada, você poderá degustar e comprar em mais de 120 adegas. Além de várias vinícolas que também são deliciosos restaurantes e cafés. Hawke’s Bay é a terra do Cabernet Sauvignon e do Merlot robustos. Em Wairarapa, o Pinot Noir é a estrela do local. Já Marlborough é uma das áreas mais renomadas por Sauvignon Blanc do mundo.

Arquitetura Única

Outro aspecto encantador desse trajeto é que você terá a chance de visitar uma variedade de cidades com construções diferenciadas. Hastings e Napier contam com o estilo Art Deco e também influência das Missões Espanholas. Em Tararua você encontrará uma obra-prima arquitetônica no meio da paisagem exuberante – a torre Tui, que já produziu cerveja e hoje faz parte do itinerário dos amantes da bebida (brewery tours).

Charmosos Municípios

Dizem que vinho, comida e música são as três palavras mais felizes do mundo, e não precisa ser nenhum gourmet para concordar com isso. Perto da região de Wairarapa você pode descobrir cidadezinhas muito charmosas, como Greytown, Featherston, Carterton e Martinborough. Na Ilha Sul você encontra Picton, uma cidade que envolve o mar. O principal centro de Marlborough é Blenheim, uma cidade acolhedora que sabe cuidar muito bem de sua indústria local de vinho. Conheça seus restaurantes e fique hospedado em lugares diferenciados, como até mesmo em um convento! Recentemente, um novo museu foi aberto na cidade e conta com a maior coleção privada de aeronaves da primeira guerra mundial.

Capital da Gastronomia

Wellington é a capital da Nova Zelândia e a favorita no quesito gastronômico. Fama conquistada graças aos seus cafés boêmios, deliciosos restaurantes e animados bares. Compacta, a cidade é perfeita para ser descoberta a pé. Lá você pode interagir com exposições no museu nacional Te Papa, pegar um “cable car” até o jardim botânico ou mesmo se esbanjar em algumas das lojas estilo boutique da cidade.

Fauna Fascinante

Além de tudo isso, ao percorrer a Rota do Vinho você encontrará uma fauna única. Enquanto Hawke’s Bay é conhecida por suas aves marinhas, Tararua conta com o centro Mount Bruce de vida selvagem. E para quem quiser queimar algumas calorias caminhando, pedalando ou fazendo caiaque, uma excelente pedida é a trilha de Queen Charlotte que fica em Marlborough.

Para mais informações veja o site oficial de Classic New Zealand Wine Trail