Explore a incrível fauna selvagem, maravilhosas cachoeiras, belas praias e a rica história da mineração de ouro. Confira as 8 melhores experiências em Clutha.

Lake Waihola, Wetlands and Waipori

Lake Waihola é o lago de marés mais distante da costa da Nova Zelândia e é um ótimo lugar para pescar, remar de caiaque ou praticar esqui aquático. Bem ao lado estão as internacionalmente renomadas Sinclair Wetlands, que parecem um mundo diferente, com passarelas conectando pequenas ilhas. Saia do caminho principal contornando o rio e seguindo para a aldeia perdida de Waipori Falls, imersa na floresta nativa, e seja recompensado com o prazer de ver a cachoeira Crystal Falls serpenteando através de um desfiladeiro rochoso.

Blue Mountains

Afaste-se das multidões e volte à natureza em lugares como as cachoeiras Whiskey Gully e Black Gully. Se estiver se sentindo mais aventureiro, caminhe sobre a crista das montanhas e desfrute de vistas incríveis, incluindo Stewart Island em um dia claro. Há um acampamento fantástico com cabanas básicas e acessíveis para que você possa ficar e relaxar.

Taste of Clutha Trail

Experimente autênticos produtos caseiros locais visitando fazendas produtoras de queijos frescos, mel puro, legumes orgânicos e cordeiro fresco, além de outros derivados de carne. Coma no local e conheça as pessoas por trás desses produtos! Você também pode comprar diretamente das fazendas e desfrutar desta experiência de imersão nos sabores neozelandeses percorrendo a Taste of Clutha Trail.

Cultura e personagens peculiares

Explore o Owaka Museum, um livro vivo em 3D que conta histórias sobre os pioneiros da região, dos Māori aos primeiros colonizadores europeus. A Earthlore, por sua vez, reflete as diretrizes de conservação que simbolizam a região de Catlins. É o único parque temático de insetos do país, repleto de diversão e brincadeiras para toda a família. Por último, mas não menos importante, nas proximidades, em Papatowai, fica a lendária galeria de curiosidades Lost Gypsy, onde a inovação e a invenção criam magia, alegria e diversão.

Maravilhoso mundo das cachoeiras

seis cachoeiras espetaculares na região, todas próximas umas das outras. Cada uma tem sua própria personalidade, além de uma trilha de acesso no meio da mata. São elas: Purakaunui, com três quedas, a majestosa McLean, a dupla beleza de Matai e Horseshoe e as joias escondidas de Koropuku (na Chaslands Highway) e Barr Falls (ao sul de Owaka).

História Dourada

Lawrence estava no coração de uma das corridas de ouro mais ferozes do mundo; ainda hoje, a cidade ainda celebra sua rica herança vitoriana. Ali foi criada a primeira bicicleta da Nova Zelândia – o que é bem apropriado, já que Lawrence é o ponto de partida (ou chegada) da Clutha Gold Cycle Trail, que atravessa o passado histórico da região acompanhando o gigante verde-esmeralda que é o maior, mais caudaloso e mais volumoso rio do país, o Clutha. 

Maravilhas naturais

O icônico mirante de Nugget Point oferece vistas sensacionais do imenso horizonte. O farol de 1869 está no alto de uma plataforma panorâmica com formações rochosas que, além de terem lhe dado o nome, servem de refúgio para a vida selvagem. Você pode também remar de caiaque em torno das rochas para uma perspectiva diferente. Mais ao sul, em Catlins, estão as impressionantes Cathedral Caves, situadas nas falésias costeiras de uma bela praia. 

Fascinante vida selvagem

Clutha é o lar dos menores e mais raros pinguinsdo mundo, juntamente com os leões-marinhos mais ameaçados do planeta e os menores golfinhos. Você também pode ver focas, elefantes-marinhos e até cabras-selvagens. Caso isso não seja suficiente, há alguns dos pássaros mais raros do Sul, como o mohua, o rifleman e alguns periquitos, além de alguns dos melhores pássaros cantores, como o tui e o bellbird. E não nos esqueçamos dos cormorões, garças, maçaricos e gansos. Ah, e os rios estão cheios de algumas das melhores trutas-marrons do país.

Comece a planejar sua viagem à Nova Zelândia

Próximo na sua jornada